Banner topo

"Ele me bateu muito e eu nem pensei na hora", diz jovem que jogou óleo quente no companheiro em Araçatuba

Da Redação/Richard Silva

A jovem de 21 anos que foi detida na noite desta quarta-feira (22), após jogar óleo fervendo no companheiro, um borracheiro de 24 anos, foi posta em liberdade, durante a audiência de custódia, ainda na manhã desta quinta-feira (23). A jovem vai responder o processo de tentativa de homicídio em liberdade. 

Segundo informações do boletim de ocorrência, a Polícia Militar foi acionada para atender ocorrência de violência doméstica. Na residência do casal, na rua Barão do Triunfo, encontraram a jovem no quintal da casa com o filho no colo e o borracheiro sendo colocado em uma ambulância de Resgate do Corpo de Bombeiros. 


A acusada disse aos policiais que durante o jantar ela deixou comida no prato e o borracheiro a xingou de "porca e lambona". Em seguida, quando o casal estava na cama, ela passou a empurra-lo e mandar ele ir embora da casa. O borracheiro passou a agredi-la com tapas e puxou o seu cabelo. Após as agressões ele ficou na cama e acabou dormindo. Porém, para a reportagem do Araçatuba em Foco, ela disse que não esperou o companheiro dormir, ela revidou logo após as agressões. 

De acordo com a acusada, ela foi até a cozinha, colocou óleo para esquentar e despejou sobre o companheiro. Após os fatos ela mesmo acionou a Polícia Militar. Segundo ela, tinha pouco óleo na panela.

AGRESSÕES
A equipe de reportagem do Araçatuba em Foco, entrevistou a jovem com exclusividade. Ela disse que não é a primeira vez que é agredida pelo borracheiro. 

"A gente discutiu por uma coisa boba, acabou em agressão. Ele me bateu muito e eu nem pensei na hora, estava sem forças, apanhei de graça. Nunca traí ele e não é a primeira vez que me bate. Errei feio no que fiz e estou pagando. Meu psicológico não está muito bem". Ela continua dizendo, "Só quero que ele se recupere logo, independente de tudo eu reagi na hora da emoção, estou muito arrependida, jamais quero tirar a vida de alguém, principalmente do pai dos meus filhos".

A jovem estava muito emocionada, tinha acabado de rever os três filhos. Os gêmeos de 11 meses e um menino de três anos. 

PRESA
O delegado plantonista ratificou a prisão em flagrante por tentativa de homicídio. Porém, ela passou por audiência de custódia na manhã desta quinta-feira (23), onde foi concedido o direito da jovem de 21 anos responder o processo em liberdade. 


HOSPITAL
A vítima foi conduzida ao Pronto Socorro da Santa Casa de Araçatuba, onde precisou ser intubado. De acordo com a médica da emergência, o homem sofreu queimaduras de 2° grau. Ele deve ser transferido com urgência para um hospital especializado em queimaduras. De acordo com o hospital o quadro clínico do borracheiro e grave, entretanto estável. 



Postar um comentário

0 Comentários